Futsal Feminino Taboão e São José empatam na última rodada da Taça São Paulo

futsal_feminino_empata_sjose

Clássico realmente é uma partida diferente. E no futsal feminino, não existe uma rivalidade maior do que Taboão da Serra e São José. O último jogo, disputado sábado (18), no Ginásio “Zé do Feijão” mostrou mais uma vez porque é a maior rivalidade do estado, na modalidade.

Sem dúvida são as equipes com maior qualidade técnica, e quando o árbitro apita o início da partida, muitas vezes a técnica fica de lado e o jogo fica truncado, quase um Palmeiras e Corinthians dos anos 90. Dessa vez não foi diferente. Não faltaram polêmicas com a arbitragem, jogadas violentas e gols.

A partida não valia mais nada, pois os confrontos da semi final já estava decidido. Só que se tratando de Taboão x São José, isso não existe.A equipe visitante abriu o placar em uma jogada polêmica, após não marcar uma falta clara na atleta Natalinha, São José abriu o placar.

O segundo gol, veio em outra jogada polêmica onde novamente a arbitragem “não viu” outra falta clara em cima da atleta Luana. Após dois erros grotescos da arbitragem, a torcida foi a loucura com o que estava acontecendo em quadra. Só que não parou por ai, o terceiro gol veio após uma jogada mais escandalosa ainda, a goleira Flavi fez uma defesa com o peito, fora da área, porém, somente a arbitragem entendeu que o lance pegou na mão da goleira.

Primeiro tempo terminou 3 a 0 para São José e com a equipe, que chegou aos gols em três erros da arbitragem e deixou a pancadaria rolar solta no primeiro tempo. As paraguaias Paola e Lorena, sofreram agressões covardes e nada aconteceu. Primeiro a atleta Paola tomou uma cabeçada em frente ao juiz, que apenas advertiu a atleta adversária com um cartão amarelo, o que gerou a revolta da comissão técnica e das atletas taboanenses.

Depois, a atleta Lorena levou um chute enquanto estava no chão e depois que levantou, tomou uma cotovelada covarde e novamente a arbitragem nada fez.  Após os protestos da torcida e de toda comissão técnica, a arbitragem resolveu expulsar a supervisora da equipe taboanense, Priscila Silva.

O jogo voltou do intervalo em um clima tenso diante do absurdo que estava acontecendo. Porém, o Futsal Feminino Taboão mostrou o quanto é grande e como superar as adversidades e voltou para o segundo tempo disposto a buscar o resultado, mesmo jogando contra a arbitragem e a forte equipe do São José.

E para o delírio da torcida, o que parecia impossível, aconteceu. Taboão empatou a partida, jogando limpo, na bola, com gols marcados por Paola, Lorrana e Natalinha.

Para quem gosta de futsal, uma partida perfeita, com emoções do início ao fim.

Após a partida, o blog entrou em contato com a Supervisora Priscila Silva, onde a mesma informou que a equipe taboanense já está separando as imagens para reclamar da arbitragem diante da Federação Paulista de Futsal.

Próxima Fase

Como a Taça São Paulo é um torneio preparatório para o Campeonato Paulista, as partidas da semi e da final, serão decididas em um ginásio neutro, no caso, o da sede da Federação Paulista de Futsal.

Taboão da Serra enfrenta a equipe de São Bernardo e São José enfrenta a equipe da Praia Grande, em datas ainda a definir.

E para esses confrontos, não existe critério de desempate. Se no tempo normal as partidas terminarem empatadas, os confrontos serão decididos nos pênaltis. Pura emoção!

O post Futsal Feminino Taboão e São José empatam na última rodada da Taça São Paulo apareceu primeiro em O Taboanense.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email